Publicidade

loading...

Gramados - Tipos de Grama

16:22:00



Eles são sempre o pano de fundo de um jardim. Apesar de quase não chamarem a atenção dos olhos mais desapercebidos, os gramados são a essência de um projeto bem-feito. Muita gente não nota a diferença que um gramado dá a um projeto.
Sempre verde, podado e bem cuidado, ele pode ser um aliado na decoração do jardim, ou mesmo representar uma enorme dor de cabeça para o proprietário pela escolha errada do tipo de grama, pelo descuido ou desinformação de como evitar as famosas pragas e doenças.
Atualmente, existem gramas específicas para os mais variados tipos de clima e decoração. Também é preciso ficar atento para utilizar produtos e equipamentos que sejam benéficos para o seu gramado. Por isso, antes que você ache que já sabe de tudo sobre a sua grama, dê uma olhada no que o mercado reserva para melhorar as condições do seu projeto.
Nem sempre a grama que você conhece ou mais ouve falar, é a melhor para seu terreno. Uma série de fatores como, clima, adaptação, tamanho do terreno e objetivo desejado devem influenciar sua decisão.
Existem características que definem os tipos de grama mais usados em todo o país.


Esmeralda (Wild zoysia):
Também conhecida por zóisia-silvestre, grama-zóisia ou zóisia, a grama esmeralda possui folhas estreitas e médias, cor verde-esmeralda e estolhões penetrantes, que enraízam facilmente. Esse tipo de grama forma um perfeito tapete de grama, de grande beleza, com folhas macias e resistentes ao pisoteio, devido ao entrelaçamento dos estolhões com as folhas. Para manter a coloração intensa, é preciso adubar frequentemente. Essa grama pode chegar a 15cm, porém deve-se cortar sempre que a altura superar 3cm. É indicada para jardins residenciais, áreas industriais, casas de praia e campo, "playgrounds" e campos de esportes em geral, sempre a pleno sol.


São Carlos (Axonopus sp): 
Essa grama, também conhecida por grama-missioneira, grama-tapete, curitibana e grama-sempre-verde, é caracterizada por folhas largas, lisas e sem pêlos, além da cor verde intensa, com estolhões abundantes. é bastante conhecida e indicada para jardins públicos e residênciais, áreas industriais e casas de campo, principalmente em regiões de clima mais frio. Adapta-se bem em áreas ensolaradas quanto semi-sombreadas. Seu crescimento ascendente é pouco intenso, porém forma um gramado denso. Deve ser irrigada nas épocas de estiagem e cortada sempre que ultrapassar a altura de 2 ou 3cm, sendo que, se não podada, pode chegar a 20cm.







Santo Agostinho (Stenotaphrum secundatum): 
A grama santo-agostinho também é conhecida pelas denominações grama-inglesa e grama-de-jardim. Por essa última definição, não é difícil saber que é indicada para jardins residenciais. Também adapta-se bem a casas de campo e praia, porque é indicada para áreas semi-sombreadas e litorâneas. Caracterizada por folhas de largura e comprimento médio, lisas e sem pêlos, além de cor verde escura e estolhões abundantes, a grama santo agostinho é bastante rústica e resiste bem a pragas e doenças. Pode chegar a 25cm, mas deve ser cortada sempre que sua altura ultrapassar 3cm. No Inverno, deve ser feita uma leve cobertura de terra, por que esse tipo de grama não gosta muito do frio.


Bermudas (Cynodum dactylum): 
A principal característica da grama bermudas é a alta resistência ao pisoteio, por isso é indicada para "playgrounds", campos de futebol, pólo, tênis e outros esportes. É caracterizada por folhas estreitas, crescimento rápido, cor verde viva e o mais curioso é que apesar de ser muito macia, regenera-se rapidamente quando submetida a maus tratos. Deve ser cortada sempre que sua altura for superior a 2cm. Para se manter viçosa, necessita de suplementação anual de matéria orgânica.


 

Zóisia (zoysia matrella):
Também conhecida como grama japonesa ou coreana, a zóisia é caracterizada por folhas estreitas e curtas, cor verde e enraizamento e estolhões abundantes. É bastante resistente ao pisoteio, tem excepcional beleza e maciez das folhas e crescimento pouco intenso. Deve ser cortada sempre que sua altura for maior que 2cm e irrigada nas épocas de estiagem. É indicada para jardins orientais ou jardins com desenhos delicados que incluam forrações e arranjos de plantas ou vasos. Além desses tipos, existem outras gramas que, pela pouca adaptação ou restrições, não têm sido muito comercializadas.


Batatais (Paspalum notatum):
Também conhecida como grama-forquilha, grama-mato-grosso, grama-comum, grama-de-pasto, gramão e grama-da-bahia, esse tipo de grama é nativa do Brasil. A grama batatais não é muito utilizada porque, comparada aos outros tipos de grama, é bastante rústica e apresenta uma série de fatores negativos, como plantio mais demorado, suscetibilidade à infestação de ervas daninhas e crescimento rápido. Embora não seja o tipo mais indicado de grama, a batatais possui algumas vantagens com relação aos outros tipos mais utilizados, entre elas, a grande adaptação à solos pobres, a boa resistência à seca, o baixo custo e a grande rusticidade. Deve ser plantada a pleno sol pois não resiste à sombra. Pode chegar a altura de 30cm, mas deve ser cortada sempre que ultrapassar 3cm.


Preta (Ophiopogon japonicus):
A grama-preta, também conhecida por grama-japonesa, é caracterizada por folhas lineares, finas, verde-escuras e recurvadas. É indicada somente para bordaduras e forração, por que não suporta pisoteio. Ao contrário do gramado, não necessita de corte, porém seu cultivo deve ser feito em terra enriquecida com humus, de boa drenagem e irrigada frequentemente. É bastante utilizada em sombra. Pode chegar a 30cm


Azul (Festuca glauca):
A grama-azul, também conhecida festuca-azul, é caracterizada por folhagem azul-prateada, muito decorativa, linear e eriçada em tufos. É geralmente indicada para bordaduras, tendo grande efeito ornamental. Adapta-se bem em canteiros a pleno sol, enriquecidos com matéria orgânica e irrigados periodicamente. É muito resistente e se adapta bem ao frio do sul do país, porém não tolera o calor tropical. Não suporta pisoteio. Pode chegar a altura de 25cm.









ÁRVORES EM VASOS - CULTIVANDO FICUS

Postagens Relacionadas

0 comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
blog search directory Diretório de Blogs Comentar/adicionar no Comentarium Home & Garden Blogs
Home & Garden online
20 Minutos
Follow me on App.net Review http://www.multiflorafernandopolis.blogspot.com on alexa.com GeraLinks - Agregador de links Ver! Follow on Bloglovin