Publicidade

loading...

Amora

19:48:00



A amora é uma fruta de origem asiática que se adaptou muito bem no Brasil. É uma fruta doce com pouca acidez, saborosa e medicinal, rica em vitamina A e C.

Nome popular: Amora.
Nome científico: Morus nigra.
Origem: Ásia, África e América do Norte
Porte: 4 a 12 mts.
Solo: fértil, rico em matéria orgânica
Propagação: sementes, enxertia, estaquia e mergulhia dos ramos.
Irrigação: regulares
Poda: limpeza e para ajudar na frutificação
Adubação: anual, esterco de curral é uma ótima opção
Parte usada na medicina: Fruto.
Propriedades terapêuticas: Adstringente, alivia a diarréia, antioxidante.
Usos: A utilização da amora é variada. Mas pode ser indicada tanto no controle de hemorragias e da pressão arterial, é muito usada popularmente como repositor hormonal.
Modo de usar: Os frutos da amoreira podem ser consumidos in natura, industrializados ou ter a polpa congelada para eventuais usos.
Curiosidades: a folha da amoreira é utilizada no trato do bicho-de-seda

A amoreira é uma árvore nativa das regiões temperadas e subtropicais da Ásia, África e América do Norte, sendo a maioria das espécies do gênero asiática, de porte médio, atinge de 4 a 12 metros de altura. As amoras são frutos pendentes bem carnudos e reunidos em infrutescências, de coloração vermelho-escura, quase preta, quando maduros, com polpa vermelho-escura comestível muito apreciada por pequenos pássaros. A coloração de seus frutos varia de acordo com a espécie à qual pertencem conforme seu grau de maturação.
Suas inflorescências são pendentes, tipo espigas que surgem no final do inverno reunindo minúsculas flores brancas. Todas as amoras são ricas em vitamina C e caracterizam-se por sua forma típica, gerada a partir do agrupamento de vários e minúsculos frutos que se unem formando uma polpa rica em água e açúcar. A amora é uma fruta altamente nutritiva de sabor doce e um pouco ácida. Existe um número elevado de espécies dentro do gênero, perto de 300.
Pelo seu porte e beleza é uma das frutíferas mais ornamentais, sua copa é ampla, oferecendo sombra de boa qualidade bem agradável nos dias de calor, permitindo assim seu uso em jardins de chácaras e sítios ou jardins de grande espaço, onde atrai grande quantidade de passarinhos para o ambiente.
Os pássaros auxiliam na propagação da espécie, tanto que em determinadas situações pode se tornar uma planta invasiva.
Sua multiplicação é fácil através de sementes, enxertia ou estaquia, mas também é obtida através da mergulhia dos ramos.
Dos frutos se processa diversas sobremesas saborosas e ricas em vitamina C, vinhos, geléias, sorvete, suco, doce, bombons, glacê e licores são outros atributos desta bela espécie.
A Amoreira prefere o solo fértil enriquecido com matéria orgânica, bem drenável, sob sol pleno e irrigado regularmente, não tolera longas estiagens. Não é exigente quanto a adubação mas adubar anualmente e fazer podas estimulam a frutificação.
As folhas da amoreira são muito utilizadas no trato do bicho-da-seda.

Postagens Relacionadas

0 comentários

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
blog search directory Diretório de Blogs Comentar/adicionar no Comentarium Home & Garden Blogs
Home & Garden online
20 Minutos
Follow me on App.net Review http://www.multiflorafernandopolis.blogspot.com on alexa.com GeraLinks - Agregador de links Ver! Follow on Bloglovin